SEM IMPEACHMENT! Pedaladas de Alckmin e Serra somam R$ 4 bilhões em 20 anos

Apuração do Intercept Brasil aponta no Twitter que é de R$ 4 bilhões a pedalada fiscal dos ex-governadores de São Paulo Geraldo Alckmin, atual presidenciável do PSDB, e José Serra. De acordo o site, o governo paulista aceitou receber R$ 2 bilhões antecipados em troca de receber, com o tempo, R$ 6 bilhões em impostos.


De acordo com o presidente do Sinafresp, Alfredo Maranca, foram bancos e empresas que “compraram” a dívida do estado de São Paulo e vão ficar com esses R$ 4 bilhões ao final. Os nomes deles ainda são desconhecidos.

Leia também: Renata Lo Prete se “revolta” com entrevistado após críticas a Moro;

Dilma Roussef sofreu impeachment por conta das mesmas pedaladas mas com valores até menores.

Com informações de Brasil 247.