“Canalha, canalha, canalha”: a homenagem de Requião a Aécio fica para a história

Com a contundência que lhe é peculiar, Roberto Requião foi direto ao coração da besta em seu último pronunciamento no julgamento do impeachment.


“Não pretendo, nesta sessão, moderar a linguagem ou asfixiar o que penso. Não vou reprimir a indignação que me consome. ‘Canalha! Canalha! Canalha!’”, falou. Continue lendo ““Canalha, canalha, canalha”: a homenagem de Requião a Aécio fica para a história”