Em artigo, Tacla Duran reafirma: Zucolotto pediu propina

Por Rodrigo Tacla Duran, no Conjur – Mordaça. Substantivo feminino. O mesmo que açaimo ou focinheira. Pano ou qualquer objeto que se põe na boca para impedir alguém de falar ou gritar. Usar a força e a coerção para impedir alguém de falar. A definição curta e precisa do Aurélio revela ser a mordaça irmã da brutalidade e filha do autoritarismo com a intolerância.


Continue lendo “Em artigo, Tacla Duran reafirma: Zucolotto pediu propina”

Supremo Tribunal decide: condução coercitiva é inconstitucional

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu há pouco impedir a decretação de conduções coercitivas para levar investigados e réus a interrogatório policial ou judicial em todo o país.


Continue lendo “Supremo Tribunal decide: condução coercitiva é inconstitucional”

Cai por terra a história de Moro não julgar tucanos porque não recebia denúncia

Em meados de 2016, em passagem pelos Estados Unidos, Sergio Moro disse que não julgou casos relacionados ao PSDB porque investigações que atingem o partido não chegaram até ele em forma de acusação. Pois, agora, essa desculpa cai por terra.


Continue lendo “Cai por terra a história de Moro não julgar tucanos porque não recebia denúncia”

Depois de viagens internacionais, Moro alega ‘excesso de trabalho’ e não julga tucanos

Depois de declarar que “não faria sentido” dispersar provas envolvendo operadores já investigados na operação “lava jato”, o juiz federal Sergio Moro voltou atrás nesta segunda-feira (11/6) e abriu mão de julgar processos sobre suposto esquema de propinas envolvendo uma rodovia do Paraná. Ele alegou excesso de trabalho e baseou-se em voto derrotado no Tribunal Regional Federal da 4ª Região.


Continue lendo “Depois de viagens internacionais, Moro alega ‘excesso de trabalho’ e não julga tucanos”

Boulos é intimado e perseguido pela Justiça após revelar a farsa de Moro com o triplex

O deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) manifestou solidariedade ao pré-candidato à presidência da República Guilherme Boulos (Psol), que prestou depoimento à Polícia Federal nesta quinta-feira (7) sobre a ocupação do triplex me Guarujá (SP) feita, no dia 16 de abril, por membros da Frente Povo Sem Medo e do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), este último coordenado nacionalmente pelo pessolista.


Continue lendo “Boulos é intimado e perseguido pela Justiça após revelar a farsa de Moro com o triplex”

Tacla Duran diz que Lava Jato adulterou sistema de planilhas da Odebrecht

O ex-advogado da Odebrecht Rodrigo Tacla Duran prestou depoimento na Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados nesta terça-feira (5).


Continue lendo “Tacla Duran diz que Lava Jato adulterou sistema de planilhas da Odebrecht”

Deputados se mostram chocados com denúncias de Tacla Duran contra Moro e Lava Jato

O deputado federal e advogado Wadih Damous (PT-RJ) concedeu entrevista à TV 247 nesta terça-feira (5) relatando sua impressão sobre o depoimento do ex-advogado da Odebrecht Rodrigo Tacla Duran à Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados. Para o parlamentar, “Tacla Duran mostrou o lado escuro da Lava Jato”.


Continue lendo “Deputados se mostram chocados com denúncias de Tacla Duran contra Moro e Lava Jato”

IMPARCIAL? Globo silencia sobre depoimento de Tacla Durán

O depoimento de Rodrigo Tacla Durán chegou aos assuntos mais comentados do Twitter, mas quem se informa pelos veículos da Globo não sabem nem quem ele é.


Continue lendo “IMPARCIAL? Globo silencia sobre depoimento de Tacla Durán”

Pedro Parente da Petrobrás aumenta de novo a gasolina em meio à crise

Em meio a uma crise sem precedentes, Pedro Parente volta a aumentar o preço da gasolina; a partir de amanhã (31), o preço nas refinarias subirá 0,74% e passará a ser de R$ 1,9671 por litro; em maio, o preço do combustível nas refinarias da Petrobras acumula alta de 9,42%; a decisão de subir o preço soa como uma afronta ao país.


Continue lendo “Pedro Parente da Petrobrás aumenta de novo a gasolina em meio à crise”

Moro é chamado de “hipócrita” após ser contra prolongar paralisação dos caminhoneiros

O juiz Sérgio Moro também resolveu meter a colher na greve dos caminhoneiros.

No despacho em que suspende uma audiência marcada para segunda-feira (dia 28) na qual FHC era testemunha de Lula no processo do sítio de Atibaia, ele disse que a pauta da categoria era “legítima”, mas criticou o “prolongamento excessivo da paralisação”.


Continue lendo “Moro é chamado de “hipócrita” após ser contra prolongar paralisação dos caminhoneiros”